quinta-feira, 17 de setembro de 2009

Quando eu crescer ;


Desde pequena eu já sonhava, sempre fui uma sonhadora constante, olhando o horizonte como um lugar infinito mas que de alguma forma eu poderia chegar e alcançar o seu fim, e fui o seguindo como se fosse o meu sonho que um dia seria alcançado.

Toda criança já sonha, e pensa quando eu crescer eu vou ser uma bailarina, um bombeiro, um policial, uma medica, um veterinario, uma cantora, uma atriz. Todos na verdade querendo ser famosos e como heróis.
É engraçado hoje que me lembro que queria ser " arquiteta" só pelo fato de gostar de desenhar x)
Depois fui crescendo e fui tendo uma noção das coisas e vi que eu não tinha nenhum talento para arquitetura, e não era nada do que eu pensava.
Sempre fui alguém de opiniões formadas, não fundamentadas pois sempre estou aprendendo mais e mais.
Sempre me preocupei com o futuro, com a vida amanhã, com os passos que dava hoje. Sempre busquei independência das pequenas coisas às grandes embora ainda não poder tanto. Sempre fui decidida embora muito confusa em certas coisas. Sempre busquei o meu horizonte.
Bem e todo mundo pensa, fala, quando eu crescer eu vou ser ...
E determina o seu horizonte a seguir, sendo amplo e do seu jeito, sendo fácil ou não de alançar.

Eu antes tinha um pensamento pequeno era apenas uma menininha, mas já me mantinha à decisões, à procura de minhas verdades de minhas conviccões. Houve um tempo em que parei e pensei, o que realmente eu vou ser quando crescer ? Dá um gelo, é uma decisão que pode mudar o roteiro da sua vida, e temos que decidir convictos e sem medo de se arrepender.
Fui pensar então, o que eu vou ser...
Conheci a geo-política e acabei me interessando por economia, passou-se tempos, e puxa! Tem cálculos, eu não sou muito boa com cálculos para me formar teria que gostar disso, então descartei.. Conheci a filosofia em que me ajudou muito a me encontrar mais, mas vi que se a fosse estudar a fundo iria ficar louca, ou virar uma nova Einstein, de tantas teorias que criei, é ia ficar louca.
Então fui procurar dentro de mim, e vi que eu não sei viver sem me expressar seja como for, que eu não sei viver sem mostrar o que eu tenho dentro de mim, que eu gosto de emocionar e colocar um toque especial no pensamento das pessoas, que eu gosto de mostrar a verdade às pessoas. Fui me encontrando, até que encontrei a Publicidade e Propaganda.
É quando eu crescer vou ser publicitária, é ali que eu quero colocar toda a minha paixão, todos os meus pensamentos, sentimentos seja ele para que assunto for.
Com a publicidade conheci o jornalismo. Quero me formar em jornalismo também, quem sabe eu uma redatora de uma coluna política, adoro a política e todas as suas polêmicas. Isso se eu não me candidatar, sim, já sonhei em exercer algum cargo político para começar de lá dentro a mudar o mundo, pouco a pouco.

O fato é que percebi, que desde menina, hoje, amanhã eu vou sempre viver para me expressar, para aprender, buscar sempre conhecimento, e a diversidade de expressionismo que a publicidade dá e o jornalismo é fantástica, debater assuntos, formar opiniões, me alimentar de verdades e muito conhecimento é o que hoje quero, e é hoje a minha nova paixão que vou conquistar pouco a pouco.

Se você não sabe o que vai ser quando crescer...
Olhe no seu lado mais bonito, o coração, ele vai te guiar, te encontrar e vai te ajudar a conseguir realizar seus sonhos.
E não esqueça faça o que você quer, faça o que você gosta.
O importante é estar bem consigo mesmo, que terá grande chances de conquistar o que quer.
E o horizonte é grande, mas você pode conquistar cada espaço dele, basta querer!

8 comentários:

  1. Quando criança eu sempre quis ser um Power Ranger -eu ainda quero! rsrs!

    Mas vai ser a Licenciatura! A louca missão de dar aulas levando conhecimento aqueles loucos que ficam sentados com lapis e borrachas -hehehe!

    Boa Sorte! Abra sua mente criativa Publicitária ^^

    ResponderExcluir
  2. Eu sonhava em ser astronalta.Até o dia que eu vi na TV o onibus espacial explodir.Eu chorei até não poder mais.
    Depois, resolvi ser veterinaria e cuidar de leões.
    Normal eu, né?
    xD
    bjokas
    MariH

    ResponderExcluir
  3. engraçado é que a alguns anos atras eu me perguntava isso, e agora eu paro e penso : espera, eu já cresci ! tipo, e agora? ah, estou seguindo aqui, e obrigada pelas suas palavras no meu blog, me ajudaram muito :)

    ResponderExcluir
  4. Saa,

    a-do-rei o selo!

    brigadinha!

    besos

    .

    ResponderExcluir
  5. :D
    Eu tinha essas mesmas dúvidas quando estava na minha adolescencia. Eu sempre desejei ser médico, pensava ser a profissao mais MARA do mundo. Porém, eu nao tinha muito estomago (percebi isso vendo um vídeo de autopsia. :S)
    Entao saquei o que sempre esteve no meu nariz! Jornalismo! :D
    Desde pequeno escrevia e sempre fui razoável em portugues. ^^'
    Hoje estou no quarto semestre de jornalismo e assim que concluir vou fazer publicidade e propaganda também.

    Boa sorte aí na sua jornada!
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Fiquei sem ar agora Oo'

    Seguindo voce


    PS: as melhores poesias do meu blog se encontram no ano de 2008 pro começo de 2009
    garanto que não vai se arrepender ;*

    ResponderExcluir
  7. poxa que bacana, só desejo que conquistes tudo que almeja, parece ser bem esclarecida.
    bons dias

    ResponderExcluir
  8. estou apaixonaa pelo seu blog é perfeeeeeeito. PARABEEEEENS :]

    ResponderExcluir

Chegue mais perto... E entre em meu coração ♥