domingo, 9 de maio de 2010

Minha parte protetora, Mãe.


Eu tenho um anjo da guarda que me protege
todos os dias, e eu sei que nunca estou só.

Antes de me tornar matéria, Deus disse em bom tom: " te enviarei a um lugar que não imaginas, poderás sentir frio, medo, mas de alguma forma terás calma, pois nesse lugar estás a te esperar um grande anjo "... Eu posso não me lembrar disto, mas sinto a todo instante.
Esse anjo, talvez, serás o único ser, que olhará sempre pra mim com amor, mesmo quando eu o ignorar, mesmo quando eu desrespeitar, mesmo quando eu virar o mundo pra mostrar que ele está errado. Ele sempre estará a me amar, sempre estará a me proteger e me guiar a cada passo que eu der.
Meu grande anjo, és minha grande MÃE.
Nós somos tão iguais e ao mesmo tempo tão diferente, é tudo tão incrível e estranho. Vai ver é que a gente não é igual mesmo, somos mesmo é diferentes, mas eu a admiro tanto, que me vejo e que quero ser como ela, gosto do pensar que somos iguais...
Eu nem sei o que dizer sabe, quando a gente ama de verdade, a gente não sabe explicar, descrever, a gente só consegue sentir. E é algo tão intenso que as palavras não tem capacidade de reconhecer tanto sentimento.
Mas algo eu consigo dizer, que você foi a minha primeira grande sorte. Posso dizer todos os dias, e agradecer, por ter essa grande sorte que é ter você, minha mãe, a melhor mãe do mundo! À você dedico tudo de bom que eu tenho feito, pois foi pensando em pessoas como você, que tem meu grande amor.
E é tudo mesmo assim, mesmo quando eu pensar que perdi tudo, eu verei que ainda tenho tudo, tenho você.
Como eu te amo mãe. Obrigada apenas por existir, pois isso já é tudo!



Essa foto foi no dia em que meu avô materno faleceu, e as funções se inverteram e eu a acalmei em meus braços. Nós temos que cuidar dos nossos anjos também, para que eles tenham força de nos proteger, e essa força vem do nosso amor.

13 comentários:

  1. Nossa, que fofo o carinho que tu sentes por ela, eu tmb amo de mais minha mãe!


    Parabéns à todas essas mulheres guerreiras, determinadas!

    Bj

    ResponderExcluir
  2. Nooossa.. que lindo, triste.
    Eu sinto muito por isso.
    É triste perder alguém querido.

    Beijos, linda

    ResponderExcluir
  3. Ai querida muito linda sua postagem!!!obrigada por sua vizitinha espero q tenha gostado e volte sempre! bj*

    ResponderExcluir
  4. Lindo texto, tambem escrevi sobre minha mãe, mas resolvi não postar e sim entregar para ela, ela até chorou. Elas são tão bobas, as vezes não sabem o valor que elas tem pra nós,mas acho que é nossa culpa por não estar toda hora dizendo TE AMO MÃE...

    Bjuss

    ResponderExcluir
  5. Elas são tudo para nós... e tantas pessoas não as valorizam do jeito que elas merecem.

    Aproveitando...
    Tem duas promoções MARAVILHOSAS acontecendo no meu blog e eu vim te convidar para participar!!!

    Os links:
    A morte do cozinheiro - Allan Pitz
    http://amormisterioesangue.blogspot.com/2010/05/promocao-morte-do-cozinheiro-de-allan.html

    A Guerra das Sombras - O livro de Dinaer de Jorge Tavares
    http://amormisterioesangue.blogspot.com/2010/04/primeira-promocao-do-amor-misterio-e.html

    ResponderExcluir
  6. mãe é mãe né? foto bonita pra um dia triste :( tô seguindo o blog,beijos!

    ResponderExcluir
  7. Que lindo. Não existe amor igual ao de mãe.
    E parabéns pela força na hora de consolar ela...
    ;**

    ResponderExcluir
  8. Muito lindo seu post!!!
    Mães... a minha é o meu anjo particular!

    ;*

    ResponderExcluir
  9. que lindo...
    mão é t-u-d-o.



    =)

    ResponderExcluir
  10. que lindo, sem palavras '-'


    bom fdss :D

    ResponderExcluir
  11. Oi Sabrina, vim fazer uma visita e gostei muito do seu blog, parabéns. Tenho um, que divido com amigos e amigas jornalistas. Quando puder, dê um pulinho lá, ficarei feliz com sua visita. Estou seguindo seu blog, O.K.?

    Abçs,

    Edward de Souza

    ResponderExcluir
  12. Muito bonito, assim como o amor de mãe ;*

    ResponderExcluir

Chegue mais perto... E entre em meu coração ♥